Notícias


News del 10/06/2016


AUTORIZAÇÃO POR PARTE DE TODOS OS BANCOS PARA O ACORDO DE REESCALONAMENTO DA DÍVIDA DO GRUPO MASCHIO GASPARDO

O Grupo Maschio Gaspardo, líder na fabricação de equipamentos agrícolas, assinou o acordo para o reescalonamento da dívida com 24 bancos credores.

A operação foi promovida pelo Grupo para o reescalonar a dívida bancária com base nas perspectivas de renda e financeiras do plano industrial 2015-2018.

Entre 2009 e 2014, o Grupo viveu um extraordinário desenvolvimento duplicando o seu volume de negócios, que passou de 118 milhões de euros 2009 para 324 milhões de euros, em 2014 - CAGR +22,4% - graças aos investimentos e às compras efetuadas, alcançando o objetivo de ser o único operador no mundo a oferecer uma gama completa de equipamentos agrícolas.

Com a entrada do Eng. Massimo Bordi para ocupar o cargo de Superintendente, chamado pela família Maschio para dirigir a empresa, no início de junho de 2015, o Grupo iniciou um percurso de consolidação e valorização da posição de liderança no mercado do setor.

Os bancos confirmaram a confiança no Grupo e na nova gestão, renovando as linhas de crédito comerciais por um período de três anos e reescalonando os planos de amortização das dívidas a médio-longo prazo.

Através deste acordo, a administração tem podido concentrar os próprios esforços na busca dos ambiciosos objetivos industriais, visando reforçar a própria posição de líder global no seu setor de business, com base no plano industrial 2015-2018, cujas linhas guia são:

  • a reestrutuação da organização do Grupo através do reforço da prima linha de Gestão, que reconduz diretamente ao Superintendente;
  • a simplificação da estrutura societária com a alienação dos ativos não estratégicos;
  • a revisão da organização de produção através da racionalização das fábricas e depósitos;  
  • o melhoramento da Ebitda, graças ao incremento das margens comerciais e à contenção dos gastos da estrutura;
  • a redução da dívida financeira líquida para efeito das iniciativas de racionalização e incremento das margens acima delineadas.

Os resultados em 31 de dezembro de 2015 mostram já alguns efeitos positivos das ações tomadas, graças a um volume de negócios consolidado de 298 milhões de euros e um Ebitda de 25 milhões de euros em linha com as previsões do plano. Também a posição financeira líquida mostra, em 31 de dezembro de 2015, uma sensível melhora chegando a 198 milhões de euros em relação aos 240 milhões de euros em 31 de dezembro de 2014.

No âmbito da operação o Grupo Maschio Gaspardo valeu-se da assistência da PricewaterhouseCoopers, na qualidade de advisor financeiro, e, para os aspectos jurídicos, da equipe do escritório Legance de Milão. Os bancos foram assistidos pela Latham & Watkins, para os aspectos legais.

A assinatura do acordo com os bancos representa um passo fundamental no plano de consolidação e de desenvolvimento do Grupo e nos permite olhar para o futuro com grande otimismo. – Declarou Massimo Bordi, Superintendente do Grupo Maschio Gaspardo.

___

O Grupo Maschio Gaspardo é líder na fabricação de máquinas para trabalhar o terreno, semeadura, tratamento dos cultivos, manutenção da vegetação e fenação. Fundada em Campodarsego (PD), eml 1964, pelos irmãos Egídio e Giorgio Maschio, o Grupo emprega, no mundo, 1.800 funcionários, em 15 estabelecimentos de produção, dos quais 3 no exterior - China, Índia e Romênia - e em 12 filiais comerciais (França, Espanha, Alemanha, Polônia, Ucrânia, Turquia, Rússia, América do Norte, China, índia, Romênia). Com um volume de negócios de cerca 300 milhões, dos quais 80% provêm da exportação para 100 países no mundo, o Grupo se posiciona em primeiro lugar na Itália e está entre os primeiros fabricantes no mundo no setor de equipamentos agrícolas. A família Maschio, acionista maioritária, detém 86% do capital social, enquanto os demais 14% é de propriedade da Friulia Finanziaria FVG Spa, antiga parceira da Sociedade